Sobre o Despertar Espiritual

 

Queridos leitores,

Estive afastada por algum tempo por motivo de doença na família…. O que me tem feito refletir muitíssimo. Apesar de estar escrevendo, continuo lendo e pesquisando para elaborar melhor o meu pensamento.

E hoje quero dividir com vocês, uma entrevista que vi no Youtube, com Eckart Tolle, no programa da Oprah. Vou transcrever algumas partes e também fazer meus comentários. É uma conversa sobre o despertar da consciência que aqui ele menciona como despertar espiritual. E quem já passou por esta ecperiência vai saber sobre o que estou falando. Quem ainda não teve a experiência, que preste bem atenção no que está sendo comentado e também vai conseguir….

A seguir: “A maioria das pessoas não está consciente de que tem um homenzinho ou uma mulher na cabeça, que tagarela. Portanto há uma voz na cabeça, um diálogo interno, com que, a maioria das pessoas se identifica completamente”. E no caso de Eckart Tolle, e de muita gente, essa voz está predominantemente descontente.

Há, portanto, um descontentamento total que é guardado continuamente por este diálogo interno inconsciente.

E em dado momento, em uma noite, a separação acontece dentro de Eckart, entre a voz que é o fluxo incessante do pensamento e o senso profundo do “eu”, que havia estado identificado com essa voz na cabeça e, o senso profundo do “Ser”, que, mais tarde foi reconhecido por ele como a “Consciência em si”, essencialmente.

Em vez de algo que a cons consciência se tenha tomado, através do pensamento. Então, naquela noite ocorreu a separação.

E quando Eckart acordou na manhã seguinte, estava completamente em paz, pela primeira vez, desde sua infância. Sem entender porquê. A compreensão veio muito mais tarde.

Portanto, o ponto principal é que, é essencial que as pessoas se tornem conscientes do seu processo de pensamentos e o senso do “eu”, que deriva do pensamento e que inclui, obviamente, todas as suas memórias, todos os seus condicionamentos. O senso do “eu”, que é conceitual e, que deriva do passado.

Portanto, todo esse fluxo de pensamento, na realidade, é uma forma de condicionamento do passado.

É essencial que as pessoas reconheçam que,  essa “voz”continuará incessantemente dentro delas.

E é sempre uma descoberta, quando as pessoas compreendem pela primeira vez:”é o meu pensamento”.

“Todos os pensamentos habituais que tenho tido”. Pensamentos repetitivos que, frquentemente são pensamentos negativos recorrentes.

E subitamente compreendem, é, aqui estou eu, sabendo que estes pensamentos passam na minha cabeça”. ( Meu comentário: MAS NÃO SOU EU.).

‘E a identificação é subitamente quebrada. E para as pessoas, isto é a primeira descoberta espiritual”, segundo Eckart Tolle.

A espiritualidade não é acreditar nisso ou naquilo, mas sair da identificação com o fluxo do pensamento.

Então, de repente descobrir que há uma outra dimensão mais profunda que o pensamento dentro de si, por vez chamado de quietude. É uma Presença Consciente. Não tem nada a ver com o passado ou o futuro. E a isso também podemos chamar de acordar.

É por isso que muitas tradições espirituais usam o termo: ” O Despertar”.

Mas muitas pessoas poderiam dizer: “o que está a dizer, acordar? Mas eu já estou acordado?

O Despertar significa que tu acordas do fluxo do pensamento.

E quando despertas, torna-se Presente.

Uma dimensão de consciência completamente diferente, está presente subitamente.

Amei o texto e quis compartilhar com vocês.

Grande abraço consciente.

O livro está quase pronto

Queridos leitores, o nosso livro está quase pronto!

Estou aqui na Bahia, terminando de escrever o livro que já tem título.

Só poderei revelar o nome assim que registrá-lo.

O conteúdo está fantástico. Tenho certeza que vai ajudar muita gente a compreender o que é a vida e como ficar RICOOO !!!!

Até breve

Sueli Alencar